13/06/2017

RESENHA: Quem é Helen Books? - Delson Neto


  Olá, Leitores! Hoje trago a resenha de Quem é Helen Books?, novo conto do autor parceiro Delson Neto. Meus comentários foram breves pois, por ser um conto, fiquei com medo de me aprofundar muito e acabar entregando toda a trama.
  O conto foi disponibilizado na plataforma digital Wattpad e está concorrendo a um concurso da revista Mundos Paralelos, então, se quiser lê-lo, é só clicar no link informado no post!







Nome: Quem é Helen Books?
Autor: Delson Neto
Editora: Independente
Ano: 2017
Páginas: 25 (?)
Classificação★★★★ (5 Estrelas)
Sinopse: Ao transformar páginas em pixel, corpo em dados, muito pode ser perdido - até você mesmo. Helena gostava de livros, até Helen achar interessante queimá-los. Afinal, quem é Helen Books?
LEIA AGORA NO WATTPAD! 

  Como vocês puderam ler na sinopse, o conto basicamente conta a estória de Helena, ou Helen Books, uma garota pobre que fica famosa após expressar seus mais intensos - e negativos - sentimentos por livros físicos em seu canal no youtube. 


 Só que, mesmo ciente de sua ousadia, a garota não esperava tanta repercussão; uma verdadeira revolução se inicia no mercado editorial brasileiro. Isso porque ela não queimou os livros apenas para ver as chamas consumindo páginas; seu ato foi simbólico, em homenagem a todos os autores iniciantes que sofrem o peso de não terem seus livros publicados fisicamente e carregam os erros das editoras nas próprias costas. 


  O conto é narrado em duas linhas de tempo: a pré-fama, quando Helena sofre as consequências de seus atos, e sua primeira entrevista para uma grande emissora de TV de São Paulo (Ah é, se esqueci de mencionar, o livro se passa em um Brasil futurista - 2027, para ser mais exato). Essa divisão de linhas de tempo acabou deixando a leitura surpreendente a capa página virada; pouco a pouco, vamos descobrindo mais sobre Helen e os motivos que a levaram a tais atitudes. 


  O conto poderia fazer, facilmente, parte do seriado Black Mirror; o autor usa o futuro para retratar um problema social que já vivemos hoje; quanto dos nossos hábitos são movidos por puro consumismo? E no caso do mundo literário, é realmente necessário se vender como um produto para ser considerado bom autor? E os leitores não ficaram de fora; vocês percebem quando o ato de comprar livros vira algo totalmente movido por consumismo? Acredite, após ler o conto você, vai pensar MUITO sobre isso.


  A escrita do Delson, como sempre, continua impecável. A cada leitura me surpreendo com sua facilidade em criar uma narrativa fácil mas intrinsecamente inteligente. Por incrível que pareça, não notei nenhum tipo de erro ortográfico; ou não existem, ou a leitura estava tão fluida que nem me dei conta. 
Resumindo: Apesar de ser apenas um conto, Quem é Helen Books? me conquistou totalmente; foi impossível não sentir empatia por Helen. Mesmo que suas ações pareçam exageradas (e escrotas, se posso dizer) no começo, percebi que não são nada mais do que verdades jogadas na nossa cara de um jeito cômico. Conto super recomendado, principalmente se você for um autor iniciante ou leitor consumista (assumo que sou ambos). Nota 5/5



16 comentários:

  1. Shoow... Primeiro queria elogiar tua escrita, ficou muito clara e objetiva e facilitou captar facilmente a obra... Sobre o livro, muito criativa a ideia de falar sobre a dificuldade dos autores iniciantes, afinal, quantos livros de qualidade temos hoje através dos ebooks que a dificuldade de publicar um livro impresso não permitiu serem lançados antes... Claro que amo mto mais a versao capa e papel na mão, mas essa acessibilidade facilitada só nos beneficia mais com um catalogo maior e mais variado disponível.

    ResponderExcluir
  2. Oi Fabio, tudo bem?
    Menino sou consumista demais... as vezes bem exagerado, mas apesar de ter esta consciência, eu simplesmente não consigo me arrepender das compras malucas. Eu curti muito a premissa do conto, mas ler no Watpad não rola, porque não consigo ler pelo PC e o aplicativo não funciona no meu celular com eficácia, então ficarei na vontade por enquanto. Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Fabio! A premissa do livro é bem interessante a referência a Black Mirror me deixou bem curiosa e como leitora consumista também hehehehehe

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. ola , tudo bem ? adoro historia futuristicas, e quero saber mais sobre essa menina Helen Books, sua resenha me deixou curiosa, vou em busca do meu livro . bjsss sucesso

    ResponderExcluir
  5. Ola rudo bem, Adorei a sua matéria, a resenha me chamou bastante atenção eu nunca publiquei livros, mas eu sei o tamanho da dificuldade que é, tenho um amigo meu que sempre me fala disso, a historia parece ser bem legal, uma garota pobre que consegue se dar bem na vida contando sobre seus sentimentos em livros e canais de youtub, da até um incentivo para os escritores iniciantes.

    -Beijoss, sucesso!

    ResponderExcluir
  6. Oi Fábio!!
    Nossa que história interessante. Eu não costumo ler livros futuristas, mas dois elementos me chamaram muita atenção. A questão social que é tão presente na nossa sociedade e sobre as dificuldades dos autores nacionais de ingressarem no mercado literário.
    Estou torcendo para que a história vença o concurso!!
    Bjs
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá Fábio, tudo bem?
    Já tinha visto esse livro, mas essa é a primeira resenha que leio. Devo admitir que esse livro chama atenção só pela sinopse né? Como assim queimar livros? Hahaha. Gostei de saber o porquê disso, e fiquei curiosa pra saber mais.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Oi Fábio, tudo bem?
    Cara, que enredo atual e pertinente! O autor até poderia pensar em desenvolver mais e transformar em uma narrativa mais longa, com certeza precisamos de mais chacoalhões assim! Bjoooo
    www.blogpapelpapel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Não conheço esse conto Fábio, na verdade eu tenho uma conta no wattpad e no Luvbooks, mas quase não utilizo porque não consigo ler como gostaria no PC. Porém devido a cada dia serem postados ótimos trabalhos em ambas as plataformas, acho que vou ter que começar a me adaptar.

    Beijos da Lua!
    Cantinho da Lua

    ResponderExcluir
  10. Eu amei a resenha! Me despertou curiosidade e vou ler hoje mesmo! Me lembrou muito "Admirável Mundo Novo" que retrata essa sci-fi. Eu amei seu blog, cara! É bom demaissssss

    ResponderExcluir
  11. Olá! Gostei demais da temática do conto, legal retratar essa dificuldade na literatura, mostrar o outro lado desse mundo. Fiquei bem curiosa para conhecer o conto completo, beijos!

    ResponderExcluir
  12. gostei bastante da forma que você falou do conto e concordo contigo poderia ser um episodio de Black Mirror, vou ler o conto na integra.

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Nossa, muito bom esse conto pelo visto. Tb publico na plataforma e vou procurar conhecê-lo. Sua resenha ficou show!

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu amei a sua resenha e a forma que você apresentou o conto. Bom, como leitora consumista, acho que preciso ler. Não sou muito fã do Wattpad, o layout do site me dá dor de cabeça, mas eu vou ler rapidinho porque parece ser bem interessante.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Olá, amei sua resenha pelo fato de ter me deixado mais curiosa ainda sobre esse livro. Com certeza irei ler, adorei.

    Beijos, amei seu blog <3

    ResponderExcluir
  16. Nossa. Fiquei curioso com sua resenha. Esses autores independentes são um arraso sempre que encontro algo deles.
    Já vou anotar aqui o título.

    ResponderExcluir